A primeira Bíblia impressa

de João Ferreira de Almeida (ano 1681)

Almeida usou para imprimir o Novo Testamento na Holanda, uma Bíblia em espanhol, Italiano, francês e latim, todas as quais foram traduzidas do hebraico e grego.

Quando o Novo Testamento em Amesterdão na Holanda chegou às gráficas, ele foi mudado muitos textos antes da impressão, por várias pessoas.

Quando os primeiros exemplares do Novo Testamento impressos chegou à Índia Oriental, Batavia, Almeida notou com grande consternação, que foi feita muitas alterações em sua tradução.

 

Alguns exemplos das biografias Almeida:

Passaram-se 2 anos, e João pôs em prática um grande plano: traduzir o Novo Testamento para o português, a partir da Bíblia Reyna Valera, da Espanha. Também usou como bases as versões latina, francesa e italiana, todas bem recentes na época, traduzidas do grego e do hebraico.Em menos de um ano, o garoto concluiu o projeto (com apenas 16 anos de idade). A tradução não foi propriamente publicada, no sentido tradicional do termo: João fez cópias à mão e enviou a congregações na Malásia, na Batávia e no Ceilão (hoje Sri Lanka).

Após 4 anos, irritado com a enrolação, João mandou por conta própria um manuscrito à Holanda para impressão. Tentaram barrar o processo, mas o livro foi impresso e publicado em 1681, embora com erros de revisão e tradução na transição entre manuscrito e impressão – ao que parece, propositalmente. As autoridades holandesas determinaram a destruição dos exemplares, incluindo os enviados à Batávia, e que uma nova e mais rigorosa revisão fosse feita. Entretanto, nem todos os livros mandados para a Batávia foram destruídos. Alguns foram corrigidos manualmente e enviados a congregações locais.

 

http://www.arcauniversal.com/noticias/historias-de-vida/noticias/grandes-nomes---joao-ferreira-de-almeida-10872.html

 

 

Começou a traduzir a Bíblia pelo Novo Testamento, que foi publicada em vida do autor, em Amesterdão, em 1681, impressa pela viúva de J. V. Someren. Edição com muitas incorrecções, devido à incompetência dos revisores, de que o autor se queixou numa Advertência, com um apêndice de mais de mil erros, publicada em Batávia, em 1683. Perante estas informações, os Directores da Companhia da Índia Oriental determinaram que fossem destruídos todos os exemplares na Holanda e em Batávia, tendo no entanto, sido poupadas, algumas cópias distribuídas às congregações de Batávia, Malaca e Ceilão, apresentando correcções a tinta.

http://purl.pt/369/1/ficha-obra-biblia%20.html

 

Em 1644, aos 16 anos, João Ferreira de Almeida iniciou uma tradução do espanhol para o português, dos Evangelhos e dos Actos dos Apóstolos, os quais, copiados a mão, foram rapidamente espalhados pelas diversas comunidades dominadas pelos portugueses. Para este grandioso trabalho, João Ferreira de Almeida também usava como fontes as versões latina, de Beza, francesa e italiana, todas elas traduzidas diretamente do grego e do hebraico. No ano de 1645, a tradução de todo Novo Testamento foi concluída; mas apenas seria editada em 1681, em Amsterdão.

 

Depois de alguns meses, quando João Ferreira de Almeida já estava prestes a desistir da publicação, recebeu cartas vindas da Holanda, informando que o texto tinha sido revisto e que estava a ser impresso. Em 1681, foi publicada a primeira edição do Novo Testamento de Almeida e, no ano seguinte, em 1682, chegou à Batávia. Quando começou a ser manuseada foram percebidos vários erros de tradução e revisão. Tal facto foi comunicado à Holanda e todos os exemplares que ainda não haviam saído foram destruídos, por ordem da Companhia Holandesa das Índias Orientais. As autoridades holandesas determinaram também que se fizesse o mesmo com os exemplares que já estavam na Batávia. Mas, ao mesmo tempo, providenciaram para que se começasse, o mais rapidamente possível, uma nova e cuidadosa revisão do texto. Apesar das ordens recebidas da Holanda, nem todos os exemplares foram destruídos, e correções foram feitas a mão com o objectivo de que cada comunidade pudesse fazer uso desse material. Um desses exemplares foi preservado e encontra-se no Museu Britânico em Londres. O trabalho de revisão e correção do Novo Testamento foi iniciado e demorou dez longos anos para ser terminado. Somente após a morte de João Ferreira de Almeida, é que essa segunda versão foi impressa, na própria Batávia, e distribuída.

http://ednaldobreves.blogspot.com.br/2010/12/joao-ferreira-de-almeida-uma-historia.html

 

Vi que Deus havia de maneira especial guardado a Bíblia, ainda quando dela existiam poucos exemplares; e homens doutos nalguns casos mudaram as palavras, achando que a estavam tornando mais compreensível quando, na realidade, estavam mistificando aquilo que era claro, fazendo-a apoiar suas estabelecidas opiniões, que eram determinadas pela tradição.

PRIMEIROS ESCRITOS Pág. 220 Ellen G.White

 

Os textos da ressurreição foram falsificados na Holanda;

                                            Mateus 28:1

Nos textos da ressurreição em Marcos, Lucas e João, a palavra dia entre parênteses, identificamos que nos textos em grego não aparece.

                                           Marcos 16:2

                                          Marcos 16:9

                                           Lucas 24:1

                                            João 20:1

                                     1 Corintios 16:2

 

Dois textos no entanto, eles esqueceram de corrigir na Holanda. Eles são a prova de que Almeida tinha traduzido o Novo Testamento corretamente.

                                                       João 20:19

                                        Actos dos Apóstolos 20:7

Almeida também atesta o fato de que o nosso

Messias ressuscitou no sábado.

João Ferreira de Almeida (ano 1681) em PDF;

http://purl.pt/12730

 

Bíblias que consta que Yahshua (Jesus) ressuscitou no sábado:

 

La Biblia Reyna Valera en Español (ano 1569) em PDF; 

http://www.e-rara.ch/doi/10.3931/e-rara-3451

Exemplo de Mateus 28:1

 

Novo Testamento Martim Lutero (ano 1522) em PDF; 

http://www.e-rara.ch/bau_1/content/titleinfo/198933

Exemplo de João 20:1

 

Velho e Novo Testamento do Reformador Suíço Ulrich Zwingli (ano 1534) em PDF; 

http://www.e-rara.ch/zuz/content/titleinfo/755409

Exemplo de João 20:1

 

Bíblia João Calvin em Francês (1551) em PDF; 

http://www.e-rara.ch/zuz/content/titleinfo/517186

Exemplo de Lucas 24:1

  

Novo Testamento (Novum Instrumentum omne) Erasmus de Rotterdamo (1516) em Greco e Latino

http://www.e-rara.ch/bau_1/content/titleinfo/895554

Exemplo de Mateus 28:1

 

Novo Testamento Erasmus de Rotterdamo em Latino (1526) em PDF;  

http://www.e-rara.ch/bau_1/content/titleinfo/178348

Exemplo de Marcos 16:2

 

Biblia Gutenberg em Latino (1454) em PDF

http://sammlungen.ub.uni-frankfurt.de/inc/content/titleinfo/2090532

Exemplo de Mateus 28:1

Silenciosamente

para o desastre

https://www.youtube.com/watch?v=1SsUijicXbg

Statements from the Roman Catholic Church

O Santo Nome do nosso

único Deus YAHWEH

As Três Mensagens

          Angélicas

Estudos Propéticos

Filme sobre

Chemtrails e HAARP

Filme sobre a Nova Ordem Mundial

Homepage Counter kostenlos

    8.10.2015